Programas de Tratamento de Imagens e Fotos

Programas de Tratamento de Imagens e Fotos

O tratamento de imagens e fotografias é uma tarefa importante para quem publica conteúdos na internet. Como o AssociaPro permite publicar conteúdos com imagens para vários sites, resolvemos incluir um pequeno tutorial com algumas dicas interessantes.

Transferência de dados na rede

As páginas internet são ficheiros construídos com apenas instruções em texto, chamadas tags HTNL, o que permite uma rápida transferência para o computador do utilizador, sempre que este abre uma nova página no seu browser (navegador). Estas páginas são decoradas com gráficos (imagens de pequenas dimensões) e os seus conteúdos apresentam textos com imagens e galerias de fotos.
Mas, ao contrário do texto, as imagens ocupam mais espaço e demoram mais tempo a transferir, fazendo com que as páginas sejam mais lentas a abrir. O que na maioria das vezes acaba por afastar os visitantes, que na sua maioria têm pouca paciência e esperam ver as páginas quase de imediato.
É por isso que o tratamento de imagens para conteúdos internet é bastante importante!

Publicar imagens no AssociaPro

O gestor de conteúdos do AssociaPro permite publicar imagens de duas formas:

  • Galeria de Fotos: permite organizar fotos por categorias. Cada categoria pode ter uma ou mais fotos. Sempre que enviar uma imagem esta é reduzida para que fique num tamanho mais pequeno e que se enquadra com o tamanho médio dos ecrãs dos computadores dos visitantes. Durante o envio também é feita a compressão da imagem para que esta ocupe menos espaço.
  • Editor de Texto: o editor de texto presente nas páginas do site, notícias e actividades, permite enviar imagens para serem integradas no texto. Mas, ao contrário do processo anterior, este sistema não faz a redução da imagem nem a sua compressão.

Vejamos. Se enviarmos uma imagem tirada de uma máquina fotográfica digital ou um poster proveniente de um designer ou gráfica, estes terão grandes dimensões e uma profundidade de pixels (pontos) superior ao necessário. Por exemplo, uma imagem da câmara digital pode ter de 2048 a 7168 pixels de largura, quando o tamanho máximo da coluna de conteúdos no site tem apenas cerca de 600 pixéis. Estas imagens podem ocupar de 1 a 5 Megabytes, o que é demasiado que para o envio quer para serem visualizadas pelos visitantes.
Daí que seja aconselhável fazer a redução da imagem para um tamanho aproximado ao da área que esta vai ocupar na página e ao mesmo tempo fazer a sua compressão. Assim uma imagem de 600 ou 700 pixéis irá ocupar apenas 100 a 150 Kilobytes, o que muito por alto são cerca de uma décima parte de 1 megabyte. Para executarmos esta operação precisamos de programas de tratamento de imagem (imagens bitmap).

Programas de Tratamento de imagem

Existem excelentes programas comerciais para tratamento de imagem, mas que têm preços na ordem das centenas de euros, o que os torna proíbitivos. No entanto, existem programas gratutios, para uso pessoal ou para instituições não lucrativas, que também fazem o trabalho desejado.

GIMP: GNU Image Manipulation Program, um programa que foi inicialmente desenvolvido para sistemas operativos Linux, mas que agora tem versões para Windows e Mac. É um programa com funcionalidades muito semelhantes ao Adobe Photoshop, mas que pode ser mais complexo para utilizadores menos experientes e, ser um pouco demorado a abrir.
Descarregar: http://www.gimp.org/downloads/ (73MB)

Paint.net: Um progmrama que prentende demonstrar as capacidades de manipulação de imagen da Microsoft .Net Framework e que se apresenta como um Adobe Photoshop simplificado. Requer a instalação da .Net Framework v3.5, fazendo o seu download a partir do site Microsoft ou do Windows Update.
Descarregar: http://www.getpaint.net/ (3,5MB)

Microsoft Office Imaging: É um utilitário que vem instalado com o Microsoft Office e permite operações de tratamento e recorte de imagem básicos, bem como o seu redimensionamento e compressão.

Pixlr editor: É um programa online, que não precisa instalação, é fácil de usar e tem funcionalidades semelhantes ao Photoshop. Permite criar novas imagens ou abrir e tratar imagens que estão no computador local.
Endereço: http://pixlr.com/editor/

tratamento de imagem

No próximo artigo iremos mostrar criar uma imagem recortada a partir de outra, alteração a sua dimensão, diminuir o tamanho da tela (canvas) e fazer a sua compressão ao gravar. Uma vez assimilidas, estas operações podem ser usadas em qualquer destes programs ou mesmo em programas comerciais profissionais como o Adobe Photoshop.




publicado em 17 fevereiro 2013

por AssociaPRO - Master



Voltar